Star Trek: Discovery – (1×03) – Context is for Kings (Netflix)

O texto que se segue CONTÉM SPOILERS

Está a ser uma grande surpresa para mim, “Star Trek: Discovery”. Sou fã das séries do franshise que tive oportunidade de ver, e que enumerei na crítica ao primeiro episódio desta nova série, mas essas são outro “animal”, de uma natureza distinta graças a terem surgido numa altura em que a ficção televisiva era demasiado desconsiderada. O fraco investimento no meio, o modelo imposto, até o seu frágil prestígio, podiam permitir abordagens reflexivas a temáticas importantes, mas muitas vezes desenvolvidas com pouca dinâmica, de forma pouco entusiasmante, e sempre demasiado repetitivas. “Discovery”, por sua vez, parece determinada em aproveitar cada gota do sumo da Era de Ouro da TV.

Continuar a ler “Star Trek: Discovery – (1×03) – Context is for Kings (Netflix)”

Philip K. Dick’s Electric Dreams: 1×02 – Impossible Planet (Channel 4)

O artigo que se segue CONTÉM SPOILERS

Amor. Característica inerente ao ser-humano e temática universal. A ficção, assente em que género for, não se coíbe de o explorar, atribuindo-lhe sempre um cunho definidor da história. “Impossible Planet”, apesar de nos transportar para um futuro imaginário, é sobretudo uma história de amor.

Continuar a ler “Philip K. Dick’s Electric Dreams: 1×02 – Impossible Planet (Channel 4)”

Star Trek: Discovery – (1×02) – Battle at the Binary Stars (Netflix)

O texto que se segue contém SPOILERS

O segundo episódio de “Star Trek: Discovery” reflecte a razão para que ambos os episódios tenham sido exibidos continuamente: é como se fossem um filme, com princípio, meio e fim.

Continuar a ler “Star Trek: Discovery – (1×02) – Battle at the Binary Stars (Netflix)”

Star Trek: Discovery – (1×01) – The Vulcan Hello (Netflix)

O texto que se segue não contém SPOILERS

Espaço, a última fronteira… e blá, blá, blá, a lengalenga que todos conhecemos. Depois de atrasos e tropelias de bastidores, “Discovery”, a mais recente entrada no universo “Star Trek”, chega finalmente ao pequeno ecrã. Por cá, o Netflix disponibiliza o episódio logo no dia seguinte e nós agradecemos.

Continuar a ler “Star Trek: Discovery – (1×01) – The Vulcan Hello (Netflix)”

Philip K. Dick’s Electric Dreams: 1×01 – The Hood Maker (Channel 4)

O artigo que se segue não contém SPOILERS

Um dos maiores “atropelos” de que há memória em anos recentes no que toca a direitos de ficção televisiva envolve o Channel 4 e a aclamada série de antologia de Charlie Brooker, “Black Mirror”. Após duas temporadas exibidas no canal britânico, onde conseguiu conquistar a crítica e estabelecer um estatuto de série de culto junto do público, “Black Mirror” era comprada pelo Netflix, que adquiriu os direitos junto da produtora Endemol Shine, deixando o Channel 4 de mãos a abanar. Os responsáveis pelo canal britânico, que na altura julgavam ainda ter a primeira opção de exibição no Reino Unido, estavam enganados e, assim, o Channel 4 era colocado de parte em tudo o que estivesse relacionado com uma das séries que, graças à universalidade da plataforma de streaming, se tornou das mais populares dos últimos anos. “Philip K. Dick’s Electric Dreams” é a sua resposta a tal tremenda perda.

Continuar a ler “Philip K. Dick’s Electric Dreams: 1×01 – The Hood Maker (Channel 4)”